Era aniversário dela, mas não era seu desejo fazer uma grande festa. Queria ficar sozinha e ter um momento para si mesma, não queria comemorar, queria apenas refletir sobre o que a vida havia lhe trazido até então. Era uma moça feliz, não tinha grandes problemas em sua vida, havia apenas vivenciado pequenos percalços por seu caminho.




Ainda assim se sentia cada vez mais só, como se ninguém estivesse ao seu lado. Mas talvez não fosse assim, ela tentava pensar nas grandes mudanças que houveram em sua vida, tanto em relação às suas falhas quanto ao seu amadurecimento. Havia sido uma jovem rodeada por muitos amigos, vivia em baladas e estava sempre com um sorriso no rosto e uma cerveja na mão. Com o tempo, as festas foram diminuindo e os amigos também, ela não conseguia entender exatamente o que estava acontecendo, sabia apenas que sua decisão de mudar havia feito com que as pessoas, que antes eram tão próximas, também mudassem com ela.
Ela cometeu erros e percebeu que a vida poderia ser aproveitada de outras maneiras, mas nem todos pensavam da mesma forma que ela. A moça cresceu, se dedicou aos estudos e ao seu trabalho, foi em busca de seus objetivos e conquistou muito daquilo que almejava. Das pessoas que estavam ao seu lado no passado, poucas permaneceram no presente; no entanto, ele conheceu novas pessoas e fez novas amizades. Foi percebendo que quantidade não tinha valor, pelo contrário, era a qualidade das amizades que faziam as mesmas valerem a pena.
Ela refletia sobre isso enquanto preparava um bolo para celebrar mais um ano de sua vida. Pensava sobre como sua vida estava e quais fatores precisavam ser modificados. Ainda precisava mudar em muitos aspectos e precisava se dedicar nisso, para que se tornasse uma pessoa melhor a cada dia.
Queria celebrar sozinha para que pudesse agradecer, por cada aprendizado, por cada queda e consequentemente por cada vez que conseguiu se reerguer, por cada pessoa que passou por sua vida e principalmente por cada pessoa que permaneceu. Ela sabia que não estava só, que estava com aqueles que eram essenciais e isso a deixava feliz. 



28 Comentários

  1. Sós e insanos é só o que somos.
    GK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E a vida vai nos ensinando a lidar com cada experiência!

      Excluir
  2. Tudo isso faz parte do aprendizado né,a gente vai crescendo pra aprender que somente os verdadeiros vão ficar e que tudo aquilo que acontece com a gente,seja bom ou ruim,é para nos fazer melhor.
    Seu texto me fez refletir muito :D
    Beijos ^.^
    Little Wonders

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa vida é exatamente assim, tudo se torna um aprendizado e nossas falhas nos fazem amadurecer. São poucas as pessoas que permanecem, mas são essas que valem a pena.

      Excluir
  3. Oi Lenise! Eu gosto muito de textinhos assim, curtos, que soam como abrir a janela e dar uma pequena espiada na vida do personagem - e depois fechar novamente. Gostei do teu texto sobre amadurecimento, as vezes tudo o que a gente precisa é estar sozinho, colocar as ideias em ordem e seguir em frente.
    beijão
    www.chanelfakeblog.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gosto muito de escrever textos assim, pensar em determinadas características de um personagem e quais seriam seus pensamentos/sentimentos em relação a determinada situação. Obrigada pela visita! <3

      Excluir
  4. a vida tem dessas coisas mesmo. quanto mais anos vamos completando mais privado fica nosso círculo de amizades e maiores são as virtudes e os aprendizados. me identifiquei bastante com o texto! :)
    beijos,
    blog vestidinho jeans

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vida vai nos ensinando o que e quem devemos valorizar! Vamos aprendendo com os erros e nos tornando pessoas melhores!

      Excluir
  5. Lenise teu texto retrata bem o que é amadurecer e isso que a protagonista do texto está passando é bem comum aos vinte e poucos anos onde a gente começa a pensar no futuro e vê que é melhor ter qualidade do que quantidade. E que agradecer é o melhor sempre.

    Blog Profano Feminino

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já faz alguns anos que tenho percebido isso na minha vida (estou com 26 anos!), tem sido algo interessante, perceber quem são as poucas pessoas que valem a pena e o que priorizar na minha vida.

      Excluir
  6. Me emocionei aqui, tem um pouco de mim nesse texto. Meu aniversário vai ser daqui a alguns dias e me sinto assim, agradecida pela minha vida e pelas pessoas que me cercam ! Muito lindo mesmo! Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Camila! A vida é assim mesmo, a gente vai percebendo que são as pessoas que estão realmente ao nosso lado e precisamos agradecer todos os dias por tê-las conosco.

      Excluir
  7. Olá! Me emocionei muito ao ler. Me vi em diversas partes desse texto. Gostei bastante da sua forma de escrever. (:

    www.brincandodeolivia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário, Carol! Sempre é bom "ouvir" elogios HAHAHA <3

      Excluir
  8. Nossa que texto mais lindo, tocante fala sobre sentimentos diversos, nessa vida é assim alguns percalços, um dia de tristeza nais com certeza vivemos muitas alegrias também!!! Sucesso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quis retratar um pouco de como é a vida, acho que todos nós passamos por algo parecido, acaba sendo inevitável.

      Excluir
  9. Gostei do seu texto. Me senti nele, sabe os anos vão passando, so as amizades verdadeiras ficam, além da chegada do amadurecimento.

    Beijos e ate logo - Meio Assimétrica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse texto retrata bem o amadurecimento que a gente conquista com o passar dos anos, não é mesmo? Que bom que você conseguiu sentir o texto, fico feliz por isso.

      Excluir
  10. Oi Lena, tudo bem? Cada pessoa amadurece de uma forma diferente. Algumas acreditam que precisam de mais amigos, outros de mais festas, outros mudar de cidade, mas num dado momento todos nós precisamos crescer. Eu também já fui de frequentar muitas festas, ficar em baladas até de madrugada, mas hoje estou bem mais tranquila. Um final de semana perfeito é aquele que posso ficar assistindo minhas séries preferidas rs Parabéns pelo texto, muito bem escrito. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho que concordar com você, pois, pra mim, um final de semana perfeito também é ficar assistindo minhas séries favoritas e aproveitando a conta na Netflix HAHAHA Obrigada pelo comentário e pelo elogio! <3

      Excluir
  11. Oiie!!

    Amei seu texto! Amadurecer é uma tarefa dificil mesmo. Mas chega um momento em que percebemos que a simplicidade pode guardar muito mais coisas do que qualquer outra situaçao

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É na simplicidade que a gente acaba aproveitando melhor as situações e as pessoas, somos mais felizes assim.

      Excluir
  12. Olá! A vida nos ensina muitas lições, e uma delas é que apenas o essencial permanece contigo. Adorei o texto, acho que reflete um pouco de todo mundo.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi isso mesmo que eu quis retratar, o amadurecimento necessário para cada um de nós.

      Excluir
  13. Celebrar o aniversário é sempre um marco. Acho que independente de comemorar com festas, estar sozinho ou com amigos, é um dia para se colocar a vida na balançar. Agradecer por tudo que conquistou e reciclar tudo que precisa ser deixado para trás! Adorei a mensagem que o texto trouxe! <3
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nosso "ano-novo pessoal" tem que ser celebrado da melhor forma possível, nos meus aniversários sempre tento refletir sobre o último ano, analisar o que precisa ser mudado e agradecer minhas conquistas. Acho que é importante estar mais leve nesse momento, para conseguir enfrentar um novo ano.

      Excluir
  14. Esse texto basicamente resumiu como foi meu aniversário esse ano. Eu estava tão pensativa, no meio de tantas crises, que eu preferi ficar em casa e pensar sobre tudo o que eu havia feito até aquele momento.

    Fiquei encantada com sua escrita <3 parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que você tenha se identificado com o texto, e espero que esteja melhor quanto suas crises e tenha conseguido refletir sobre o que era necessário.

      Excluir